G-HISTORY

1 dos melhores forums antigos!!!
 
InícioPortalGaleriaCalendárioFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-seRádio Teko

Compartilhe | 
 

 Eusébio da Silva Ferreira

Ir em baixo 
AutorMensagem
cobra
Admin
avatar

Masculino
Número de Mensagens : 166
Idade : 55
Localização : açores
Emprego/lazer : motorista
Data de inscrição : 29/08/2007

MensagemAssunto: Eusébio da Silva Ferreira   Ter Set 11, 2007 9:14 am

Eusébio da Silva Ferreira, GCIH, GCM (Lourenço Marques, 25 de Janeiro de 1942) foi um futebolista moçambicano e português, é considerado um dos melhores futebolista moçambicanos e portugueses e do mundo de todos os tempos. Marcou 733 golos em jogos oficiais.

Origens
Nascido na então Lourenço Marques, hoje Maputo, capital da colónia portuguesa de Moçambique, ficou conhecido como Pantera Negra. Eusébio, como também é conhecido é descendente de pai natural de Malanje, província angolana situada a norte.

Desde cedo, Eusébio mostrou uma ligação muito forte ao chamado "desporto-rei", tendo mesmo entrado numa pequena equipa de bairro criada para as crianças se divertirem e passarem o tempo com uma ocupação útil. A equipa chamava-se "Os Brasileiros", em honra dos heróis das crianças, que actuavam na selecção "canarinha". A admiração pelos craques era tal que as crianças adoptaram como alcunhas, os nomes pelos quais eram conhecidos os internacionais da selecção sul-americana. No que toca a Eusébio, adoptou o nome de "Didi". Para muitos, Didi foi o grande craque da selecção brasileira "pré-Pelé", e jogava no meio-campo, essencialmente com uma função de criador de jogo.

Mais tarde, Eusébio procurou inscrever-se no clube "O Desportivo", mas não foi aceite. A vontade de jogar futebol falou mais alto do que o clubismo, por isso, dirigiu-se ao Sporting de Lourenço Marques. Tendo sido aceite nesta filial Moçambicana do clube leonino de Lisboa, Eusébio jogou de leão ao peito até à sua ida para Portugal. O negócio da transferência do menino de 18 anos ficou mais tarde marcado pela polémica, devido à luta que houve entre os dois rivais de Lisboa para conseguir o passe do rapaz. No entanto, o Sport Lisboa e Benfica ofereceu mais por um contrato, e Eusébio rumou à Luz. Corria o ano de 1960. Logo na primeira época de camisola vermelha vestida, o "Pantera Negra" ajudou o Benfica a conquistar a sua segunda Taça dos Campeões Europeus consecutiva.


[editar] Selecção portuguesa
Estreou-se então na selecção portuguesa a 8 de outubro de 1961. Em 1966, vestindo a camisola das quinas, foi um dos principais protagonistas do campeonato do Mundo jogado em Inglaterra. Com uma prestação fenomenal, Eusébio foi uma das principais armas portuguesas para uma das melhores campanhas internacionais de sempre. Logo no primeiro Mundial, Portugal chegou aos quartos-de-final, deixando pelo caminho equipas como Coreia do Sul (a grande surpresa do torneio, logo depois de Portugal), Hungria (do grande Puskas) e Brasil (um dos principais favoritos, sendo que de entre uma equipa genial se destacava o número 10, Pelé). Portugal acabou por sair derrotado contra a equipa da casa, num jogo que ficou conhecido pelo "Jogo das Lágrimas", e que ficou marcado por contestações à organização do torneio. A marca de Eusébio no Mundial de 66 chegou ainda à lista dos melhores marcadores de golos, tendo ficado no topo da lista como o maior goleador da prova.

Eusébio obteve a sua última internacionalização a 13 de Outubro de 1973. Em outubro de 1963 foi seleccionado para representar a equipa da FIFA no festival das "Bodas de Oiro" da "Football Association", no Estádio de Wembley.


[editar] Final de carreira
Já em final de carreira, Eusébio teve passagens rápidas e menos brilhantes por equipas mais pequenas, nomeadamente o Beira-Mar e duas equipas norte-americanas.

Terminou a carreira em 1979, e actualmente faz parte da comitiva técnica da Selecção Nacional Portuguesa.


[editar] Equipes
1957-1960: Sporting Clube de Lourenço Marques
1960-1975: Benfica (marcando 317 golos em 301 partidas)
1975 Boston Minutemen
1976: CF Monterrey
1976: Toronto Croatia
1977: Las Vegas Quicksilver
1979: União FCI Tomar

[editar] Títulos
Campeão europeu de clubes em 1962;
Onze campeonatos nacionais;
Quatro taças de Portugal;

[editar] Campanhas de destaque
Terceiro lugar na Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra

[editar] Artilharia
Melhor marcador da Copa do Mundo de 1966, marcando nove golos;
Melhor marcador da primeira divisão portuguesa em 1964, 1965, 1966, 1967, 1968, 1970 e 1973;
Melhor marcador da Europa em 1968

[editar] Ligações externas
Fotografia de Eusébio em acção
Hall of Fame - Eusébio
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Eusébio da Silva Ferreira
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Livre Para Voar - Elias Silva
» Louvor com Elias Silva - Hino da Vitória oOooo Glória
» Saiu a segunda convocação para exame antropométrico ....
» Carina Ferreira, 21 anos, desapareceu sábado à noite quando viajava para a Régua.
» João Ferreira de Almeida, sua vida e obra, e a ACF

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
G-HISTORY :: ..::Futebol::.. :: Biografias de futebol/jogadores-
Ir para: